5 problemas de saúde comuns no tempo frio e como evitá-los

5 problemas de saúde comuns no tempo frio e como evitá-los

O inverno vai chegando e as pessoas se concentram mais em locais fechados para se aquecer, não é mesmo? Porém, como o ar está mais seco e frio nessa época do ano, ele fica mais carregado de partículas de ácaros e poluição, o que pode causar diversas doenças como sinusite, resfriado, alergias, pneumonia, gripes, etc.

Quer saber mais sobre essas doenças e como preveni-las? Leia a seguir!


Pneumonia

A pneumonia é uma infecção nos pulmões e que, na maioria dos casos, é causada por vírus, fungos ou bactérias. Ela é bastante comum no inverno e os sintomas principais são catarro amarelo ou esverdeado, falta de ar, respiração ofegante e febre.
Vale dizer, ainda, que a pneumonia tem mais incidência em crianças ou idosos, devido a maior fragilidade do sistema respiratório. O tratamento vai depender da causa, porém, é imprescindível a visita ao médico, pois é ele que vai orientar se é necessário o uso de antibiótico ou analgésico, por exemplo. É possível até mesmo que, em casos mais graves, seja necessário internação do paciente.
Já para evitar a pneumonia é indicado lavar as mãos com freqüência, não fumar e tomar a vacina contra a gripe.

Resfriados e Gripes

Resfriados e gripes podem ser confundidos, mas é importante destacar que são duas doenças diferentes.

O resfriado tem duração de quatro a cinco dias, podendo se prolongar por até duas semanas. Trata-se de uma infecção mais branda causadas por vírus, como, por exemplo, adenovírus e rinovírus. Como sintomas, podemos citar: espirros, coriza, conjuntivite e dor de garganta. O tratamento é feito como analgésicos ou antitérmicos e a prevenção é simples, basta lavar bem nariz e mãos.

Já a gripe é a infecção das vias respiratórias superiores, tem duração de 5 a 7 dias e é causada pelo vírus do tipo “Influenza”. Os sintomas mais comuns são febre, secreção nasal, dor de garganta e dor nas articulações. A melhor maneira de evitar a gripe é a vacinação anual, lavar bem mãos e nariz, e evitar aglomerações.

Alergias

As alergias são as reações do organismo quando entra em contato com poeira, mofo ou animais, por exemplo. Ela é mais comum no inverno, pois com as temperaturas mais baixas, as pessoas têm a tendência de diminuir a limpeza dos ambientes, o que faz com que os ácaros fiquem ainda mais presentes.

O tratamento é específico para cada caso, mas se você quer evitar as temidas alergias, opte por manter os ambientes limpos e ventilados. Utilizar o aspirador de pó é uma excelente escolha.

Sinusite

Trata-se da inflamação da mucosa dos seios da face, ou seja, das cavidades presentes no crânio, em torno do nariz. A sinusite pode ser causada por infecções ou alergias e, como principais sintomas, podemos citar: dores de cabeça, pálpebra inchada, secreção nasal e dor atrás dos olhos.

Para o tratamento, corticoides, antibióticos e anti-inflamatórios são indicados, mas sempre com orientação médica. Já a prevenção é feita através do consumo de líquido e também evitando fumo e contato com poluentes. Uma boa opção, também, é o uso do umidificador, que eleva a umidade do ar.

Otite

A otite é uma infecção na garganta e que migra até o ouvido, sendo causada por vírus ou bactéria. Essa infecção é mais comum em crianças e os sintomas principais é a produção de secreção, dor no local, febre, perda de apetite, vertigem e náusea.
O tratamento é feito através do uso de analgésicos, como paracetamol ou ibuprofeno e, em casos de infecção bacteriana, o médico pode indicar antibióticos. Caso não seja tratada de forma responsável, é possível a perda da audição.

Se você quer prevenir essa infecção, a melhor maneira é manter as vias aéreas sempre limpas e a vacinação em dia. Para as crianças, pode ser interessante o uso de protetores articulares quando elas forem entrar no mar ou na piscina.

>