O que é menopausa?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

O que é menopausa?

Provavelmente você já deve ter ouvido falar sobre a menopausa quando o assunto é a menstruação.

Considerada uma fase muito importante na vida da mulher, a menopausa é marcada por muitas mudanças, gerando muito medo e incertezas sobre o que fazer nesse momento.

No entanto, com as informações corretas, acompanhamento de um ginecologista e adoção de hábitos saudáveis é possível passar por esse e outros momentos, que ocorrerão de forma mais tranquila e equilibrada.

Confira neste artigo o que é menopausa e climatério, assim como o que pode ser realizado para controlar os sintomas hormonais que ocorrem nessa transição.

O que é menopausa?

Muito se fala sobre a menopausa como um momento repleto de mudanças na vida da mulher, o que é verdade, já que ela é caracterizada pela última menstruação, o que significa que o estoque de óvulos acabou.

Sendo assim, a partir desse momento aquela mulher não é mais fértil, tornando-se impossível engravidar naturalmente. Essa fase não tem idade certa para acontecer, mas a tendência é que ocorra entre os 45 e 55 anos.

Existem casos onde ocorre mais cedo, ganhando o nome de menopausa precoce, mas é mais raro.

Inclusive, é muito importante lembrar que a menopausa é apenas a última menstruação, já o período que começa após o início da fase infértil se chama climatério.

Climatério: momento de muitas mudanças

Muitas vezes confundido com a menopausa, o climatério é o período que pode começar um pouco antes ou depois da menopausa e se estende por alguns anos.

É considerada uma fase conturbada para algumas mulheres, pois está marcada por diversas mudanças hormonais, que podem gerar sintomas variados, tanto físicos quanto emocionais.

O climatério apresenta essas alterações, pois o corpo não irá mais se preparar todos os meses para gerar um bebê (ovulação e menstruação) e os índices de hormônio feminino irão sofrer grandes alterações, diminuindo gradativamente.

Principais sintomas

O climatério, que ocorre depois da menopausa, pode gerar uma onda de sintomas nas mulheres, de forma que pode variar entre uma e outra. 

Como principais sintomas, pode-se citar ondas de calor acompanhadas de suor e tonturas, além de palpitações, calores noturnos e alterações emocionais, que podem facilitar o aparecimento de ansiedade ou depressão, assim como alterações nos órgãos sexuais.

Inclusive, essas mudanças podem ser muito incômodas, pois podem gerar perda de libido, secura da mucosa vaginal, dores durante relações sexuais, assim como pequenas perdas urinárias depois de alguns anos da menopausa.

Geralmente, o climatério pode causar mudanças até mesmo na pele, diminuindo sua elasticidade e aumentando a flacidez, principalmente do rosto.

Quando se fala do corpo em geral, essa fase pode diminuir a densidade dos ossos, tornando-os mais frágeis e aumento da gordura que circula no sangue.

Como ter um climatério mais tranquilo?

Ao contrário do que algumas mulheres podem pensar, a menopausa e o climatério não significam o final de momentos felizes, ativos e divertidos na vida da pessoa.

Ter acompanhamento do ginecologista torna essa fase menos incômoda, assim como mais tranquila. Entre as principais recomendações está o aumento da ingestão de água, a prática de exercícios físicos leves, como caminhada e hidroginástica, assim como o uso de roupas mais frescas.

Além dessas dicas, pode-se citar a exposição saudável ao sol, a preferência por alimentos benéficos, evitar uso de cigarro, álcool e drogas, e a escolha por hábitos saudáveis sempre que possível.

Existem casos onde a reposição hormonal e uso de outros tipos de medicamentos podem ser considerados, lembrando que apenas o médico pode receitar esses tratamentos.

Ginecologista é no Doutor Agora

Com a intenção de cuidar, prevenir e manter mulheres de todas as idades com a saúde ginecológica em dia, temos uma equipe de médicos que atuam no pronto atendimento, sem necessidade de agendamento ou longas esperas.

Acompanhe seu climatério e tire todas as dúvidas da menopausa com nossos especialistas. Aproveite para continuar no blog e saber a hora certa de procurar um ginecologista.

Deixe sua mensagem

Assine a nossa newsletter